os monstros que existem dentro de mim

12 Sep

il_430xN.79999586

Eu não consigo fazer nada sem provar. Eu provo o chocolate, provo o brownie, provo o confeito, e depois me entupo de água pra ver se desentupo de doce. Hoje, no meio das minhas invencionices, depois de ter me alimentado muito bem na deliciosa Casa Garabed, acabei ficando intoxicada de tanto chocolate que ingeri. E como fico brava comigo mesma quando isso acontece. É uma coisa louca que sai do meu controle – parece que tem dentro de mim um monstro comedor (e lambedor) de doces e não consigo parar de comer até que o meu outro monstro interno diz “paaaaara que eu vou ter um troço!!” Esse meu outro monstro interno é o encanado, aquele que acha que o culote aumenta 2,5 cm a cada pedacinho de biscoito que eu ingiro, é o que me ajuda a contrabalançar o outro mostro devorador, para que eu fique com o pesinho que deus me deu (e que num momento da vida eu resolvi testar sua elasticidade emagrecendo 17, depois engordando 30, depois voltando aos patamares normais de gordura e satisfação).

Neste ponto eu queria taaanto ser como a minha sogra que não prova NADA! Mas assim, o que seriam dos meus monstrinhos de estimação?

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: