um natal e 16 ceias

26 Dec

Meus natais sempre foram pequenos, em família pequena, com farras na medida em que 4, no máximo 6 pessoas, conseguem fazer. Quando criança, aproveitava a distração dos meus pais para cruzar a rua (na época de Pirenópolis) e ver as pegadas do papai noel e o corre-corre dos 24 primos que vinham visitar a vó que ali morava. Pollyana, minha primeira amiga na vida, era uma das primas, e me levava pelas mãos para percorrer o mundo encantando de um Natal em família grande. Por lá, desfilavam tios variados, barba de papai noel, comidas de outros mundos e uma alegria natalina que poderia ser categorizada como a alegria quintescencial.

Este ano o Natal foi pequenininho de novo, sem ter para onde correr ou um mundo de fantasia no qual me enfiar. Enfim, com pai longe com meu irmão e madrasta, mãe longe (na mesma cidade da minha infância) com meu padrasto, juntamos a nova geração da família (as duas irmãs e nossos respectivos pares-amores) para comemorar como se deve, com amor, comida e presentes. Minha cruzada de rua, o engrandecimento do meu Natal, foi minha participação indireta em 16 ceias através dos mais variados cheesecakes, minis e grandes, adoçando o fim da festa de famílias e amigos, aqui, no interior e na praia! E essa produção me deixou super cansada, mas imensamente feliz! Que venham outros Natais!

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: