Tag Archives: xcake

xcake no pote e muito amor

23 Jul

Faz muito, mas muito tempo mesmo que não paro para escrever aqui. Em breve teremos novidades (mais novidades!) e tem sobrado pouco tempo para o computador e até para o sono.

Mas nesse meio tempo, aconteceram muitas coisas legais que não poderiam deixar de aparecer por aqui. Uma delas é o Xcake no Pote! Para a Páscoa (gente, como esse ano está passando rápido!) criamos o Xcake no Pote e rapidamente vendemos todas as unidades que tínhamos capacidade de fazer. Viva! Depois o Xcake no Pote apareceu na revista Casa e Comida (que eu adoro!), recebemos várias outras encomendas e, finalmente, a Xcake no Pote foi parar numa reportagem super divertida feita pelo videorreporter Rodrigo Leitão para o novo programa do Otávio Mesquita na Band.

A reportagem, que você vê aqui, tem quase 10 minutos extraídos de quase 4 horas de muita conversa e delícias! eu me diverti fazendo, vendo e revendo. Veja você também e conheça um pouquinho mais da história da Xcakes 🙂

o X da questão

2 Sep

Ontem entreguei por encomenda da Thaís um cheesecake para o irmão dela, o Tércio, que mandou em seguida (depois de almoçar cheesecake, que eu fiquei sabendo) esse delicioso texto sobre a experiência e o X do cheesecake. Pedi permissão para publicar e aqui está, para vocês se divertirem como eu, e ficarem com uma vontade ainda maior de Xcakes

“Todo brasileiro gosta de cheesecake. Como assim? Isto é comida de gringo, diria um menos avisado. Também, com um nome deste “cheesecake”. Já ouvi falar de Cheese Burguer, que virou X Burguer pra economizar o giz do boteco. Já sei, vou chamar de X Cake. QUE BICHO É ESSE, meu filho, pergunta minha avó, mais confusa ainda. Ué, se todo mundo sabe o que é X Burguer, tem que saber o que é X Cake. Mas este X não é pra economizar giz ou a tinta do meu Word. É pra demonstrar uma incógnita mesmo. A gente usa o X na matemática, quando não sabe o que é alguma coisa. Então, aquele brasileirinho que não sabe o que é “cheesecake”, vai se familiarizando com o termo, usando o X, que ninguém sabe o que é, mas vive tentando descobrir. No caso do X Cake da Luana, o “X” é uma incógnita mais interessante. Não precisa fazer conta, nem contratar um professor particular. Basta comer, e comer e comer. No final, o X, não vão voltar a ser queijo, nem o delta do Pitágoras, vai significar QUERO MAIS.